Tag Archives: maquiagem

Maquilagem árabe

4 abr

Uma das grandes dúvidas das iniciantes na dança do ventre é entender qual é a maquilagem ideal para cada pessoa na hora de montar o seu look.

Tão importante quanto à escolha da roupa, a maquiagem serve para destacar atributos do seu rosto e transmitir o ar que você deseja.

Se formos olhar as pinturas egípcias do tempo dos faraós, notamos que os olhos são bem marcados. A janela da alma é a principal marca de expressão de uma bailarina.

Escolhemos um vídeo que, apesar de ser em inglês, mostra de uma maneira bem simples como montar o seu look.

Cores, desenhos do delineador vão de acordo com a personalidade da bailarina, mas algumas coisas valem para todas.

1. Limpe bem a sua pele antes de começar qualquer pintura. Lave o rosto, passe um tônico. Para facilitar, prenda os cabelos e fique em um lugar bem iluminado.

2. Use uma base para o rosto. Escolha a cor que melhor se encaixe ao tom da sua pele. Passe de maneira uniforme. Se quiser, use corretivo para disfarçar olheiras, sardas e espinhas. Finalize com pó para dar melhor acabamento ao seu rosto, de preferência um translúcido para retirar o brilho do rosto.

3. Suas sobrancelhas devem estar impecáveis. Sim, encare a dor da pinça e deixe-a limpinha. Depois você pode passar um lápis (da cor da sobrancelha) para que fique mais escura e penteá-la para ficar no seu devido lugar.

4. Olhos – a pálpebra deve estar iluminada. Tem gente que diz que deve combinar com a cor da roupa, mas para não errar, use translúcido ou um branco com brilho que já dará conta do recado. Aqui vai depender muito de onde você vai dançar.

Se for em palco, recomenda-se cores escuras como preto, bronze e vermelho, pois chamam mais atenção. Se for em bares, restaurantes, vai do gosto de cada uma. Não se esqueça de contornar o olho com delineador.

Pode ser o olho inteiro ou só a parte superior da pálpebra. A escolha pelo “rabinho” ou não vai da personalidade da bailarina. Bem como a grossura do traçado, porém, é comum ver traço fino perto do nariz e engrossando no final do olho. Para finalizar seu olhar, use rímel.

5. Uso do blush. Vale para quem não fica muito vermelha enquanto dança. Se este for o seu caso e ainda quiser usar, opte por cores suaves  como salmão claro.

6. Batom. Mesma regra dos olhos para palco: cor forte, de preferência vermelha. Pode-se desenhar a boca com lápis para dar mais destaque nos holofotes, mas se for dançar para uma quantidade menor de pessoas, use cores mais delicadas.

Depois de arrasar na sua apresentação, não esqueça de retirar toda a maquiagem com um demaquilante, limpar, tonificar e hidratar a sua pele.


Moda e dança do ventre II: dicas

1 mar

Meninas, aproveitando o clima da SPFW, fizemos um post introduzindo o assunto da moda na dança do ventre, com uma entrevista com Simone Galassi, que possui mais 17 anos de carreira e já vestiu bailarinas como Lulu Sabongi e Kahina.

Nesta semana, a entrevista foca um pouco mais nas formas do corpo, quais as melhores modelos para cada pessoa e alguns toques que podem ser fundamentais para compor o seu visual na hora de dançar.

1) Quais as principais preocupações que uma bailarina deve ter na hora de comprar ou mandar fazer uma roupa?
Em primeiro lugar ela deve conhecer o seu corpo, assim poderá identificar o melhor modelo. Depois, deve se preocupar com a qualidade do figurino. Não há nada pior que um figurino que veste mal ou se desmancha durante o show. O mais importante é provar o figurino antes de comprá-lo e, se possível, em uma loja ou atelier especializado onde um profissional poderá orientá-la.

2) Quais são os melhores modelos de roupas para gordinhas? E para as muito magras?
Para as gordinhas sugiro vestidos com ou sem segunda pele, de cores escuras, são sempre uma boa opção. Mas se o caso é um figurino clássico, um cinto com poucos recortes e uma saia  evasê são ótimas escolhas. Não recomendo as godês, assim como os drapês e lastex. Para as magrinhas, cintos com enchimentos ou amarração lateral, ajudam a ampliar o quadril e as saias godês, evasês ou sereias sempre com muito tecido. Podem abusar de vários modelos, mas devem evitar as saias retas.

3) As franjas também podem ser usadas por pessoas com quadril largo?
As franjas podem sim ser usadas em pessoas com o quadril largo, mas deve-se evitar pedrarias grandes e pesadas.

4) Quais são as dicas de bustiê/top para bailarinas que tem pouco busto? E para quem quer diminuir?
Para quem tem pouco peito, bustiês com recortes no decote, modelos meia taça, frente única ou princesa, com muito enchimento são ótimas opções. No caso de ter muito busto a questão não é diminuí-lo e sim optar por um bustiê confortável, que sustente o peso dos seios. Deve-se evitar os drapeados e bordados muito altos. Os modelos com decote em “V”, são sempre benvindos.

5) Como deve ser a maquiagem da bailarina?
A produção da bailarina deves ser completa desde a maquiagem até o sapato. Não acho cafona quando a bailarina usa a cor da roupa na maquiagem, claro que ela deve usar um degradê de tons, para não ficar com rosto de ¨boneca¨. A verdade é que em qualquer ocasião, dançando ou não, devemos escolher muito bem o “make” e acessórios, para não exagerar e acabar destruindo toda a produção.

Veja + Dicas
Moda e dança do ventre I
Saias para dança do ventre
O brilho das roupas

O que é o Cadernos de Dança?

27 maio

Você acaba de abrir o Cadernos de Dança. Aqui você vai encontrar um pouco de história, biografias de bailarinas, músicas, além de explicações sobre ritmos, modalidades, roupas e acessórios usados na dança do ventre. Dicas e agenda de eventos também serão adicionados para divulgar o mundo da dança do ventre. Tudo será ilustrado e descrito com vídeos, fotos e áudios da melhor qualidade.

Como o próprio nome diz, este blog foi criado para ser utilizado como um caderno, com muitas páginas em branco para serem preenchidas com novidades para você estudar e aprimorar sua dança. Você também pode participar, fazendo comentários, sugestões ou enviando um e-mail para: cadernosdedanca@gmail.com

Seja benvinda!

Quem somos?
Duas jornalistas apaixonadas por dança do ventre. Sentimos a necessidade de um espaço virtual, uma espécie de biblioteca que reunisse de forma organizada informações sobre essa dança. E aqui estamos, desde maio de 2010. 

Música de hoje: Ma endi Mall – Khan El Kalili
álbum: A arte da dança do ventre Vol 1

%d blogueiros gostam disto: