Tag Archives: Khaleege

O estilo libanês

21 mar

Quem estuda os vídeos de dança do ventre logo nota que há diferenças evidentes, mas que apesar disso, sempre existem algumas características comuns em bailarinas de mesma origem. Por isso, temos o que ficou conhecido como o “estilo”.

Hoje vamos relembrar um pouco do estilo libanês, um dos mais antigos, ao lado do egípcio. Muitas pessoas consideram-no como uma mistura deste, com toda a sua força, com o turco, que é um pouco mais suave.

Os movimentos são os mesmos que estamos acostumadas, porém, há diferenças na ênfase. Os passos são bem marcados. As libanesas também fazem acentos com os glúteos e preferem ocupar bastante o espaço que possuem, com deslocamentos grandes. Os braços, por sua fez, recebem um pouco mais de destaque do que as egípcias, que capricham mesmo é no quadril.

Já as roupas são parecidas e o modelito mais comum é o de duas peças bordadas e saia. Um detalhe: elas adoram um saltinho!

As músicas mais usadas são árabes modernas, como as composições de Raja Zahr. É comum encontrar fusões de ritmos originais do oriente médio com outros do ocidente e ver apresentações com snujs. Um povo cheio de ritmo!
Quando falamos de folclore a coisa fica mais complicada. Cada região tem tradições diferentes. No Líbano, por exemplo, o Dabke tem algumas especificidades, assim como o Khaleege.

Quer saber um pouco mais? Assista alguns vídeos de bailarinas famosas por este estilo. Destacamos alguns pontos em cada um deles, mas note que em todos há traços comuns.

Nadia Gamal– desta diva você já conhece bastante. Além da biografia, veja outro vídeo dela.
Sahara– repare que as marcações do derbake não ficam apenas no quadril.
Dina Jamal– os braços estão sempre em movimento. Note sua expressão e como ela brinca com o público.
Amani– ela domina o espaço que tem para dançar, flutuando com os snujs
Lucy– segure a onda, pois essa libanesa será a próxima biografada do Cadernos

E aguarde novas informações e vídeos!

Veja + Modalidades aqui

Veja + Bailarinas aqui

Soudi

23 ago

O Soudi é um ritmo da região do Golfo Pérsico, em especial da Arábia Saudita. Também conhecido como Aadany, o nome original Saudi remete ao país e ao grupo Al-Saud. É possível encontrá-lo no Bahrain, Emirados Árabes Unidos, Kuwait, Qatar, Oman e Yemen.

Características
O Soudi é um dos ritmos mais conhecidos da dança chamada Khaleege (khaleegy, khaliji, kalige).

Esta dança folclórica sofreu uma distorção quando chegou ao Brasil. Na época, o ritmo que trouxeram e os passos não correspondiam ao que era chamado de Khaleege.

Se você encontrar, por exemplo, uma bailarina fazendo gestos e colocando o pulso na testa, no peito, fazendo movimentos com as mãos nos braços, como se estivesse se limpando ou livrando de algo pense duas vezes. Na verdade, esta é apenas a representação de uma música e não são passos básicos do Khaleege. Mas esta história será melhor explicada em um outro post.

Composição
O ritmo é bem simples e curto, em compassso 2/4. Pode ser tocado de forma acelerada ou lenta. Conforme a região pode apresentar outra forma, mas sempre apresenta acentos fortes nos DUMs, enfatizando a dança Khaleege. Sua formação básica é DUM KA DUM KA ou DUM TA DUM TAKATA. Na nossa pesquisa, também encontramos outras variações, tais como:

DUM KA KA DUM KA KA TA KA

DUM KA KA DUM KAKA TA KA

DUM KA DUM KATAKA

Como treinar
Assim como o ritmo da semana passada, você dificilmente irá se apresentar com snujs e tocando o Soudi. Treine com o mesmo modelo de sempre. Bata o DUM com a mão direita ou com ambas as mãos, o TA com a esquerda e o KA, com a direita. Ou inverta, se você for canhota.

Dicas de passos
O passo mais comum de ser encontrado em uma música com o ritmo Soudi é o básico do Khaleege. Coloque o peso sobre a perna da frente e balance o corpo com o pé de trás na meia ponta, como se fosse um manquinho. Lembre-se de fazer fortes marcações nos DUMs e leves nos TAs. Especificamente no Khaleege você também pode balançar os cabelos de um lado para o outro.

Faixa retirada do CD Jalilah Raks Sharki Vol.4

Veja + Ritmos
Wahda wa noz
Chiftetelli

Falahi
Masmoudi
Jerk
Maksoum
Bolero
Malfuf
Baladi
Ayub
Said

%d blogueiros gostam disto: