Samira Hayek

14 out

A venezuelana Samira Hayek nasceu em uma família tradicional libanesa, mas iniciou seus estudos no balé clássico quando tinha apenas seis anos. Na adolescência descobriu a dança do ventre e treinou durante cinco anos com Julio Campos (Zekha), mestre angolano.

A partir daqui, Samira não parou mais. Teve aulas com os argentinos Amir Thaleb – que a influenciou a dançar jazz como um complemento na sua formação-, Saida, Maiada e Sarat, com a americana Bozenka e o egípcio Mohamed El Sayed.

Sua carreira deslanchou. Foi escolhida para participar do primeiro balé de Danças Árabes da Venezuela “Amali” no qual ela representou a Argentina por todo o ano de 2006. Ótimo período para treinar com Oracio e Beata Cifuentes,da Colombia e Canadá respectivamente. Estava na hora de ir para o Egito. Lá, Samira estudou com Raqia Hassan, Dr. Mo Guedawi, Momo Kadous, Mona El Said, Randa Kamel, Munique Neith, Soraya Zaied, Amara (Brasil), Khamis Khenshes (Egito) e Abdel Fattah Naeem (Egito).

Em 2008, criou com sua amiga Gloria Hashad o Balé Nacional de Danças Árabes Aswan, companhia para transmitir seus conhecimentos da dança do ventre por dentro e fora da Venezuela.  Depois de um ano, lá estava a sua companhia no festival egípcio Ahlan Wa Sahlan no qual levaram o terceiro lugar do pódium.

Assista a uma apresentação do grupo de Samira Hayek

Esta conquista foi reconhecida pelo embaixador do Egito na Venezuela, Alí Salah Mourad e também pela La Tele, rede de televisão que abriu uma temporada fixa para mostrar o trabalho do grupo de Samira.

Foi difícil encontrar algum vídeo com ótima qualidade de imagem e som, mas selecionamos um no qual ela dança um folclore. Comum às bailarinas da América do Sul, Samira Hayek tem um estilo que mistura dança do ventre e jazz.

Deslocamentos grandiosos estão presentes nas apresentações bem como arabesques e trabalhos de braços. Marcações fortes aparecem entre as ondulações suaves que a venezuelana faz questão de mostrar sua descedência libanesa.

Quer saber mais sobre esta bailarina? Acesse o blog profissional dela, em espanhol.

Veja + Bailarinas aqui

3 Respostas to “Samira Hayek”

Trackbacks/Pingbacks

  1. Angeles Cayunao « Cadernos de Dança - outubro 28, 2010

    […] Angeles ministra aulas em sua academia chamada “Academia Integral de Danças Do Sul” e atualmente possui mais de 350 alunas. Além disso, é jurada internacional em diversos concursos pela América Latina como no Chile, México, Uruguai, Brasil dentre outros países. Sem contar as viagens mundo a fora para se aperfeiçoar com os egípcios Raqia Hassan e Doaa Sallam, as brasileiras Amara Saddeh, Isis, Lunah e Anthar e espanhola Samira Hayek. […]

  2. Raqia Hassan « Cadernos de Dança - novembro 4, 2010

    […] de Raqia Hassan? Só aqui no blog ela já apareceu em posts sobre Angeles Cayunao, Lulu Sabongi, Samira Hayek, Alika, Souhair Zaki e Soraia Zaied. Não podia ser diferente, afinal, ela é uma das professoras e […]

  3. Retrospectiva: Bailarinas « Cadernos de Dança - dezembro 31, 2010

    […] onda latina chegou da Europa e da América do Sul com a espanhola Alika, a venezuelana Samira Hayek e as argentinas Angeles Cayunao, Romina Maluf e […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: