Tahia Carioca

15 jul

Delicadeza e graciosidade definem a dança da egípcia Abla Muhammad Karim, popularmente conhecida como Tahia Carioca (há também referência ao nome (Badaweya Mohamed Kareem Al Nirani). A bailarina nasceu em 1920, em Ismaleya, e aos doze anos afastou-se da família para seguir carreira no Cairo. Estudou dança na Ivanova Belly Dancing School e começou a atuar na “Casino Badia”, de Badia Massabni, a mesma casa de espetáculos em que Samia Gamal já dançava.

Foi lá que entrou em contato com o samba e pediu que seu derbakista inserisse esta batida em suas apresentações, sendo batizada com o Carioca, devido às referências ao Brasil. O auge da sua carreira foi entre os anos 30 e 40. Em 1935, participou do seu primeiro filme, “La femme et le patin”, de uma série de 120 que faria durante toda a sua vida. Sulieman Najib também colaborou para a sua formação, oferecendo aprendizado de balé clássico, francês e inglês.

Depois de 1963 abandonou a dança e se dedicou integralmente ao teatro, fundando um grupo no centro do Cairo. Dizem que ela se negou a dançar para Kamal Ataturk, primeiro presidente da Turquia (1923-1938), e para Nazli, rei do Egito. Foi casada 14 vezes e no dia 20 de setembro de 1999, morreu por um ataque cardíaco.

Tahia Carioca utilizava passos pequenos, sem as marcações fortes que estamos acostumadas a ver nas bailarinas modernas. O material de estudo desta bailarina é de relativo fácil acesso, já que participou de inúmeros filmes e muitos são encontrados na internet.

Trabalhava oitos e camelos, além de meia lua para frente com o quadril. Os braços ficam posicionados na altura do busto ou juntos, acima da cabeça – nunca extremamente alongados, sempre em uma posição bastante natural. Um detalhe interessante: usava variações de altura, explorando muito as alternâncias de planos (baixo e médio) com o recurso de flexão dos joelhos.

Desta forma, sua dança não fica apenas concentrada na altura dos quadris, como é comum ver por aí. O vídeo acima é apenas um exemplo do seu trabalho, mas é possível observar claramente tais características e é interessante notar que a apresentação inteira, de aproximadamente cinco minutos, foi usada no filme.

Veja + Bailarinas
Jillina
Fifi Abdo, a menina baladi
Petite Jamilla
Soraia Zaied

Anúncios

14 Respostas to “Tahia Carioca”

Trackbacks/Pingbacks

  1. Amar Gamal « Cadernos de Dança - julho 22, 2010

    […] + Bailarinas Tahia Carioca Jillina Fifi Abdo, a menina baladi Petite Jamilla Soraia […]

  2. Samia Gamal « Cadernos de Dança - julho 29, 2010

    […] jazz, ballet, dança contemporânea, moderna e, claro, na dança do ventre. Nesta época, conheceu Tahia Carioca, já conhecida no Egito, e daí surgiu uma amizade que duraria a vida toda. Da companheira […]

  3. Nagwa Fouad « Cadernos de Dança - agosto 12, 2010

    […] além de dança egípcia clássica e folclórica. “Peguei o estilo de dança de Tahia Carioca e de Samia Gamal e criei um espetáculo teatral, como uma peça dramática,” afirma a […]

  4. Sonia « Cadernos de Dança - setembro 2, 2010

    […] + Bailarinas Nadia Gamal Ansuya Nagwa Fouad Rachel Brice Samia Gamal Amar Gamal Tahia Carioca Jillina Fifi Abdo, a menina baladi Petite Jamilla Soraia […]

  5. Naima Akef « Cadernos de Dança - setembro 9, 2010

    […] + Bailarinas Sonia Nadia Gamal Ansuya Nagwa Fouad Rachel Brice Samia Gamal Amar Gamal Tahia Carioca Jillina Fifi Abdo, a menina baladi Petite Jamilla Soraia […]

  6. Souhair Zaki « Cadernos de Dança - setembro 23, 2010

    […] set Tahia Carioca e Samia Gamal já eram estrelas quando a pequena Souhair Zaki via as apresentações das suas […]

  7. Lulu Sabongi « Cadernos de Dança - outubro 21, 2010

    […] que você já conhece aqui do Cadernos, como Fifi Abdo, Naima Akef, Samia Gamal, Nadia Gamal e Tahia Carioca. Tudo isso nós podemos reconhecer em sua performance. Em uma entrevista, ela mesma conta como […]

  8. Mona El Said « Cadernos de Dança - novembro 11, 2010

    […] da Tahia Carioca? Pois é, ela chamou Mona de “princesa da dança do ventre” ao mesmo tempo em que a […]

  9. Asmahan « Cadernos de Dança - novembro 25, 2010

    […] com nomes grandes como  Nagwa Fouad e Tahia Carioca. Chocou muitos do ramo por ser considerada uma egípcia sem ter nascido e criada no país. Ficou […]

  10. Azza Sharif « Cadernos de Dança - dezembro 2, 2010

    […] 21 filmes, sendo que contracenou com Tahia Carioca em “Khalli Balak min Zuzu”, uma de suas primeiras experiências cinematográficas. Fez […]

  11. Retrospectiva: Bailarinas « Cadernos de Dança - dezembro 31, 2010

    […] grande time internacional e com mais tempo de carreira Azza Sharif, Tahia Carioca, Souhair Zaki, Samia Gamal, Nagwa Fouad, Naima Akef, Nadia Gamal, Fifi Abdo e Farida Fahmy. […]

  12. Badia Masabni « Cadernos de Dança - fevereiro 10, 2011

    […] Lançando estrelas Até essa época, as apresentações de dança eram feitas em lugares pequenos e com a criação da casa, precisou de adaptação para palco e as bailarinas começaram a usar sapatos de salto. Neste época foram incorporados alguns movimentos do balé, como as caminhadas, arabesques e giros. A casa de Badia foi cenário para centenas de filmes. Lá ela também reconheceu e aflorou o talento de muitos músicos, cantores e meninas que viraram estrelas: Naima Akef, Nadia Gamal, Samia Gamal e Tahia Carioca. […]

  13. Lucy « Cadernos de Dança - março 24, 2011

    […] que fazia na infância. Em entrevistas, ela afirma que quando conheceu Naima Akef, Samia Gamal e Tahia Carioca, descobriu que a dança ia muito além do que ela […]

  14. Estilo egípcio « Cadernos de Dança - maio 2, 2011

    […] tudo isso na prática assistindo uma série de bailarinas. As já conhecidíssimas Samia Gamal, Tahia Carioca, Lucy e Naima Akef, de uma primeira geração, carregam alguns destes elementos. Azza Sharif, Fifi […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: